Equipe BG 2018

* Por Ana Paula A. Mustafá Mariutti

Assim como muitas empreendimentos educacionais de gestão familiar, a história da Builders Educação Bilíngue e da Garatuja Educação Infantil (BG) não foi diferente. Eu e minhas duas irmãs, todas formadas em Pedagogia, iniciamos um negócio que começou pequeno, em que inicialmente dávamos aulas e fazíamos todo o resto do trabalho. Isso demandou formação contínua de nossa parte para que, com o crescimento no número de alunos, deixássemos de ser professoras para gerir o que se tornou um negócio com um lindo propósito e que desejamos que se mantenha sustentável por muitas gerações.

Da esquerda para a direita: as fundadoras da BG Ana Célia M. Campos (Diretora Pedagógica), Ana Lúcia A. Mustafá Nunes (Diretora Financeira) e Ana Paula A. Mustafá Mariutti (Diretora Administrativa)

Sempre nos cercamos de assessores para nos ajudar nas expertises que não tínhamos, especialmente nas áreas financeira e administrativa. E o que aprendemos? Que ferramentas de gestão, aplicadas em empresas de diferentes segmentos, mas pouco comuns na área de educação no Brasil, são essenciais para garantir a saúde de um negócio em todos os aspectos. E assim seguimos com a implementação de um plano estruturado, totalmente inovador para o segmento, que permitiu profissionalizar a administração das escolas, mas sem perder nossa ideologia, a Educação através do Amor, e o cuidado com pessoas, características que sempre nos destacaram.


O passo a passo para a gestão escolar


O processo de profissionalização das escolas foi gradual, seguindo um plano com metas de curto, médio e longo prazo, e que atualmente compõe um cenário bem estruturado, com líderes preparados para a gestão de seus colaboradores e equipes bem alinhadas.

Mas, afinal, de quais recursos dispomos hoje? Alguns exemplos são:

  • Descrição de cargos;
  • Workshops semestrais com colaboradores para reforço da ideologia das escolas;
  • Manuais de áreas com procedimentos específicos de cada função;
  • Manuais de colaboradores e pais com as principais normas da escola;
  • Processos e fluxogramas multifuncionais;
  • Política de Segurança da Informação;
  • Registro das atas de reunião com acompanhamento de pendências;
  • Planilha de gestão de tempo para definição de prioridades;
  • Esquema de trabalho baseado em reuniões de alinhamento, definição de tarefas e responsáveis, gestão por competências e feedback contínuo para avaliação dos resultados.
  • Processo de feedback estruturado envolvendo avaliação 360º e avaliações individuais.

Acreditamos que estas ações foram chave para o sucesso e longevidade das nossas escolas. O objetivo sempre foi manter negócios sustentáveis, o que significa que as melhorias e a busca por processos, sistemas e técnicas de gestão inovadoras estão no DNA da BG, garantindo que as futuras gerações possam continuar contando com a mesma qualidade de serviço que prestávamos quando abrimos as escolas e atuávamos como professoras em sala de aula.

* Ana Paula A. Mustafá Mariutti é diretora administrativa da Builders Educação Bilíngue e da Garatuja Educação Infantil

Leave a Comment